Cidades

CDHU alerta prefeituras e mutuários sobre golpes aplicados por estelionatários

autor: Da Redação/Gazeta do Interior

Publicado em

COMPARTILHE!  

A Companhia de Desenvolvimento Habitacional e Urbano (CDHU), está emitindo alertas para prefeituras sobre um novo golpe praticado por estelionatários que usam o nome de escritórios de advocacia. Criminosos enviam propostas falsas para clientes de acordos com descontos para regularização da dívida.

Nas cartas enviadas para a casa dos mutuários, são oferecidas falsas propostas de acordo com descontos para regularização da dívida. No texto é inserido um número de WhatsApp e e-mail para o proprietário dar sequência à negociação fraudulenta.

As cartas usam nomes de escritórios de advocacia, existentes ou não, sendo que um deles é credenciado pela CDHU. O objetivo é ludibriar o mutuário, dando a falsa impressão de se tratar de correspondência oficial da companhia. Nos boletos enviados aos mutuários, a CDHU aparece como beneficiária, mas, ao digitar o código de barras, aparece o nome de outra pessoa.

A orientação da Companhia é desconsiderar essas cartas e registrar um boletim de ocorrência na Delegacia de Polícia (presencialmente ou pela internet) por estelionato ou tentativa de estelionato.

O mutuário também é orientado a denunciar seu recebimento para a companhia por meio de seus canais oficiais: o site da CDHU (acessar o menu no lado esquerdo, clicar em Contato e Localização e depois em Ouvidoria/Denúncias; pelo Alô CDHU 0800 000 2348 ou pelo e-mail 
[email protected] e anexar, cartas, boletos recebidos, print de conversas e o BO, independentemente de ter sido efetuado ou não um pagamento.

Em nota, a Companhia esclarece que já vem adotando as medidas necessárias com a finalidade de anular essa prática criminosa.