Vereador de Bady Bassitt é condenado pela justiça por compra de votos

Posted by at 11:27 Comments Print

O vereador de Bady Bassitt, Adalmur Imada (MDB), conhecido como Patão, foi condenado pela justiça eleitoral por compra de votos nas eleições municipais de outubro de 2016. Com a decisão, o parlamentar pode ser cassado, perder os direitos políticos, além de pagar multa.

“Observo que o réu ostenta muitos antecedentes demonstrando a personalidade voltada para a ilegalidade jurídica inclusive tendo o acusado cumprido pena, o que conclui para que sua pena seja de dois anos de reclusão e pagamento de multa no valor unitário de um salário mínimo, levando em conta que é vereador, com patamar financeiro razoável, tanto que usou de dinheiro para compra de votos, o que deve ser incisivamente combatido pela Justiça Eleitoral”, disse o juiz eleitoral Adilson Araki Ribeiro em sua decisão.

Ainda de acordo com o juiz, Patão que foi eleito com 594 votos, teria sido flagrado em vídeo entregando santinhos a eleitores no dia do pleito eleitoral. Um dos eleitores que aparece no vídeo confirma que recebeu R$ 50 para votar no então candidato.

Na época, o caso foi registrado pela Polícia Civil de Bady que apreendeu vídeos recebidos através de WhatsApp e material de campanha. Por se tratar de crime federal, o caso foi encaminhado para a Polícia Federal que instaurou inquérito.

Além do crime federal, Patão também pode ser enquadrado no crime eleitoral, onde pode perder o mandato e ter seus direitos políticos cassados. O parlamentar não atendeu nossas ligações para falar sobre o assunto.

(Foto: Reprodução vídeo)

Destaques Política Últimas Notícias , , ,

Related Posts