Uchoa (SP) suspende racionamento até sexta, mas Tabapuã (SP) continua

Posted by at 11:20 Comments Print

Quarta-feira, 21 de outubro de 2020

As chuvas desta semana ainda não foram suficientes para apagar o alerta vermelho para o racionamento de água em duas cidades aqui da nossa região. Uchoa anunciou nesta quarta-feira (21/10) que o racionamento está suspenso temporariamente, mas Tabapuã continua.

Segundo o responsável pelo Departamento de Água e Esgoto de Uchoa (DAE), Rodolfo Fachinetti, o racionamento continua até na próxima sexta-feira (23/10), mas as chuvas já começaram a surtir efeito na cidade.

“As chuvas foram poucas, mas felizmente já tivemos um resultado positivo, onde os poços já estão recuperando seus níveis gradualmente e já não está mais faltando água nos bairros. Então, acreditamos que se continuar com essas chuvas, muito provavelmente o racionamento será suspenso definitivamente”, explica.

Na cidade, o racionamento foi decretado no dia 09/09. A cidade com pouco mais de 10 mil moradores, não estava dando conta de toda a demanda de abastecimento.

A interrupção do abastecimento de água aconteceu de segunda-feira a sexta-feira, das 13h às 16h. A medida se fez necessária devido à baixa do lençol freático, em função do período de estiagem. O nível de captação dos 14 poços da cidade diminuiu cerca de 30%.

Já em Tabapuã, segundo o município, choveu apenas 18 milímetros nestes últimos dias e infelizmente não foram suficientes para recuperar os níveis dos poços. Além do problema da falta constante de água que a cidade já enfrentava, chegou também o período da estiagem que fez com que os poços reduzissem sua capacidade de captação em até 50%. Se não bastasse, por causa das queimadas e o tempo seco, o consumo e o desperdício também aumentaram cerca de 50%.

Segundo a Diretoria de Saneamento de Tabapuã (DISA), a cidade possui 12 poços de abastecimento e todos estão com a capacidade de captação baixa. Campanhas de conscientização precisaram ser feitas através das redes sociais para pedir a colaboração da população. O racionamento na cidade está em vigor desde o dia (16/09).

(Foto: Colaboração leitores/Gazeta do Interior)

Cidades Destaques Últimas Notícias , ,

Related Posts