Sete são presos suspeitos de matar e colocar fogo no corpo de empresário de São José do Rio Preto

Posted by at 9:14 Comments Print

Sete pessoas foram presas na noite desta última segunda-feira (11/04/2017), suspeitas de assassinarem um empresário de São José do Rio Preto. Entre os suspeitos estaria um funcionário da vítima que depois de morta teve o corpo carbonizado.

O empresário Marcos Alexandre Ribeiro, de 42 anos, que estava desaparecido desde o dia 2 de abril, foi encontrado morto pela polícia na tarde desta segunda-feira, dia 10, em um matagal, em Três Lagoas (MS). Sete pessoas foram detidas por suspeita de terem participado do roubo seguido de homicídio da vítima.

O delegado de Três Lagoas, Thiago José Passos da Silva, afirma que conseguiu desvendar o caso graças a uma denúncia anônima, que indicou o endereço de um dos suspeitos. “Com essa pessoa encontramos documentos e cartão de crédito da vítima. Depois, ela apontou outras pessoas que participaram do crime e o local onde o corpo de Marcos tinha sido abandonado”, disse o delegado.

Devido ao estágio de decomposição, o corpo de Marcos foi enviado para Instituto Médico Legal de Três Lagoas. A causa da morte foi estrangulamento. De acordo com os depoimentos dos suspeitos, Marcos teria sido assaltado e morto pela quadrilha em 2 de abril, dia do desaparecimento.

No dia seguinte o carro do empresário foi encontrado também queimado e abandonado ao lado de uma casa em construção no residencial Parque das Araras, em Três Lagoas. “Nesta terça-feira já vou representar pela prisão preventiva dos suspeitos”, disse o delegado.

Marcos era dono de parques de diversão e estava indo para a cidade quando poderia ter sido abordado pelos criminosos. O corpo do empresário deve ser velado e enterrado em Rio Preto.

(Foto: Colaboração Polícia Civil)

Cidades Destaques Últimas Notícias , , ,

Related Posts