Procon orienta sobre direitos para a troca dos presentes de Natal

Posted by at 6:00 Comments Print

Depois da correria para a compra dos presentes, a próxima saga é conseguir trocar aquele que não agradou muito ou veio com defeito. Além do direito de trocar produtos comprados em promoção também é garantido ao consumidor a troca de qualquer produto, quando este serviço é oferecido pelo fornecedor.

A orientação é do diretor de fiscalização do Procon de São José do Rio Preto, Arnaldo Vieira. “É muito  importante  que o consumidor esteja munido de algum documento como o selo de troca ou carimbo na nota fiscal que possa assegurar que a troca será feita”, explica.

A troca de peças em promoção seguem as mesmas regras garantidas no Código de Defesa do Consumidor para as peças que não estão em oferta. “O fornecedor não pode se eximir de resolver um problema porque o produto estava em promoção. Porém é importante o consumidor estar ciente de que o fornecedor não é obrigado a trocar mercadorias que não agradara o gosto do cliente. O comerciante só é obrigado a efetuar a troca quando estiver com defeito ou algum tipo de vício”, explica Arnaldo.

A secretária, Neide Castanho, de Bady Bassitt é uma das pessoas que deve voltar à loja para trocar um de seus presentes porque não gostou. “Nos dois amigos secretos que participei ganhei dois batons da mesma cor. Terei que trocar por outro com uma tonalidade diferente”, conta.

Caso algum consumidor não consiga efetuar a troca, Arnaldo orienta que a cidade que não possuir Procon, deve entrar no site da Fundação Procon e registrar sua reclamação. “A pessoa que mora em Potirendaba, por exemplo, e comprou em Rio Preto, ele deve procurar a unidade aqui de Rio Preto. Agora se ela comprou em Potirendaba, como a cidade não possui Procon, deve registrar a reclamação pelo site que é atendida da mesma forma”, afirma o diretor.

(Foto: Divulgação)

Destaques Economia Últimas Notícias , , , ,

Related Posts