Polícia Militar e Vigilância intensificam fiscalização para conter COVID-19 em Bady Bassitt (SP)

Posted by at 11:23 Comments Print

Segunda-feira, 03 de agosto de 2020

A Vigilância Sanitária com o apoio da Polícia Militar intensificaram a fiscalização para tentar conter o avanço da COVID-19, em Bady Bassitt (SP). O município adotou estratégias com o objetivo de evitar filas nos supermercados, mas pessoas levaram até idosos cadeirantes aos comércios.

A ação de fiscalização aconteceu em vários bairros e diferentes pontos do município. Bairros como Jardim Mônaco, Tarraf Village, Bosque das Laranjeiras e Jardim Tangará foram monitorados com intuito de prevenir aglomerações.

Fiscalização aconteceu em vários bairros e supermercados

Durante a operação foi realizado o patrulhamento, fiscalização em pontos de estacionamento, bem como várias orientações à população como forma de conscientizar, evitando assim, o contágio de pessoas pelo novo coronavírus.

O município garantiu que novas operações irão acontecer na cidade e serão tomadas as devidas providências, em caso de descumprimento do isolamento social.

Mesmo com as ações específicas, os moradores continuam descumprindo as regras e determinações estabelecidas pelas autoridades de saúde. Conforme a Gazeta mostrou na semana passada, moradores de São José do Rio Preto estão indo a Bady Bassitt fazer compras aos finais de semana, após o prefeito, Edinho Araújo, ter decretado o fechamentos dos mercados na cidade.

Uma foto tirada por uma moradora de Bady e postada nas redes sociais, mostra uma idosa, cadeirante, na entrada de um supermercado da cidade, aguardando na fila. Nossa reportagem recebeu diversas fotos com extensas filas nas entradas destes comércios do município, com crianças e idosos, quando que o recomendado é para que apenas um membro da família faça as compras.

Idosa cadeirante é levada ao supermercado em Bady Bassitt

Segundo a Vigilância Sanitária de Bady, em reunião com as autoridades de saúde no fim da semana passada, o município chegou a conclusão de que os supermercados não deveriam ser fechados aos finais de semana, e, sim, que uma fiscalização mais intensa nestes locais deveria ser realizada.

Ainda de acordo com o órgão, um acordo firmado com os supermercados garantiu que o número de pessoas dentro destes estabelecimentos fosse limitado e controlado, bem como o distanciamento nas filas, higienização de carrinhos e cestas também seriam garantidos pelo comércio. Todas estas medidas foram fiscalizadas e cumpridas durante este fim de semana, onde houve uma diminuição no número de clientes, segundo a Vigilância.

(Foto: Colaboração leitores/Gazeta do Interior)

Cidades Covid-19 Destaques Últimas Notícias , , ,

Related Posts