Polícia de Bady Bassitt (SP) investiga caso de cachorros mortos a marteladas

Posted by at 13:19 Comments Print

A Polícia Civil de Bady Bassitt instaurou inquérito nesta última segunda-feira (16/12/2019) para apurar o caso de filhotes de cachorros que foram mortos a marteladas em Bady Bassitt (SP). O suspeito teria ainda tentado matar a mãe dos animais que sofreu traumatismo craniano.

Segundo o delegado que cuida do caso, Ericson Salles Abufares, o homem já foi identificado e prestou depoimento. “Estamos finalizando o BO e já começamos a ouvir os envolvidos. Temos testemunhas, pessoas que resgataram os animais e o suspeito já deu a versão dele nesta terça”, disse.

O homem que já tem passagem pela delegacia por embriaguez, negou os fatos e disse que no dia do ocorrido estava viajando com a enteada e com a esposa e que, quando retornou, a cachorra já havia sido levada. Em depoimento ele disse ainda que não matou ou agrediu nenhum animal e que, quando os filhotes nasceram, três deles morreram.

Segundo testemunhas, o morador da chácara que estaria embriagado no dia, teria matado os dez filhotes da cachorra com golpes de martelo. Ele ainda teria tentado matar a mãe dos animais, de nome Laika, também com golpes da mesma ferramenta.

O caso chocou os moradores de Bady e também da região. Nas redes sociais a população postou comentários pedindo justiça e exigindo mudança nas leis com penalidades mais severas.

Segundo o Código Penal Brasileiro, todos os animais existentes no país são tutelados pelo Estado e assistidos em juízo pelo Ministério Público. Agressão física, covarde, exagerada e mutilação são considerados atos de maus-tratos e crueldades.

(Fotos: Luiz Aranha/Gazeta do Interior e arquivo pessoal)

Cidades Destaques Últimas Notícias , , ,

Related Posts