Operação da Polícia Federal em Guapiaçu prende suspeito de divulgar pornografia infantil

Posted by at 10:33 Comments Print

A Polícia Federal deflagrou na manhã desta quinta-feira (18/05/2017) a Operação Cabrera, com o objetivo de reprimir o compartilhamento e a posse de imagens e vídeos de pornografia infantil na internet. Policiais Federais prenderam um suspeito com material de pornografia infantil em sua sua residência, em Guapiaçu.

O rapaz de 20 anos foi preso em casa. Com ele os policiais apreenderam um computador que continha diversas imagens de crianças nuas. Em Ilha Solteira e em Pereira Barreto foram cumpridos mandados de busca e apreensão.

Ao todo, cerca de 370 policiais cumprem 93 mandados de busca e apreensão, além de duas prisões preventivas e uma condução coercitiva, no Distrito Federal e em 18 estados (AC, AM, AP, BA, CE, GO, MG, MT, MS, PA, PE, PR, RJ, RO, RS, SC, SP).

Em Brasília, a Polícia Federal reuniu informações e alvos de investigações de várias unidades da PF pelo Brasil, não diretamente relacionadas entre si, mas que tratam da disseminação transnacional de pornografia infantil, por meio de redes sociais, e-mail e aplicativos de mensagens e vídeo.

A operação unificada e coordenada pela Unidade de Repressão aos Crimes de Ódio e Pornografia Infantil da Polícia Federal (URCOP) ocorre no “Dia Nacional de Combate ao Abuso e à Exploração Sexual de Crianças e Adolescentes”.

O nome da operação presta homenagem a Araceli Cabrera Sánchez Crespo, uma menina brasileira de 8 anos que foi sequestrada, violentada e cruelmente assassinada em 18 de maio de 1973, crime que até hoje permanece impune. Posteriormente, a data ficou instituída como o “Dia Nacional de Combate ao Abuso e à Exploração Sexual de Crianças e Adolescentes”.

Os investigados responderão, na medida de suas participações, pelos crimes de posse, compartilhamento de arquivos de pornografia infantil, com penas previstas no Estatuto da Criança e do Adolescente e no Código penal Brasileiro que variam de 1 a 6 anos de reclusão.

POTIRENDABA

Ações acontecem em toda a cidade em combate à exploração e ao abuso sexual contra crianças e adolescentes. Agentes de Saúde realizam conscientização com funcionários. Um jornal educativo foi trabalhado nas escolas com os alunos.

Nesta quinta, um trenzinho com músicas relacionadas fará um passeio com todas as crianças pelas ruas da cidade, além de apresentação de uma peça teatral nesta última quarta no Centro de Eventos para as escolas municipais. Às 16h desta quinta alunos da Escola João Casella farão apresentações em comemoração à data.

(Foto: Reprodução Google)

Cidades Destaques Últimas Notícias , , , ,

Related Posts