Números de casos de COVID-19 se mantêm estáveis na região da Gazeta

Posted by at 13:42 Comments Print

Quarta-feira, 22 de abril de 2020

Felizmente os números de casos de COVID-19 tem se mantido estáveis na região de circulação da Gazeta do Interior desde o início da pandemia. Em 22 dias desde que surgiu a primeira confirmação, duas cidades possuem apenas quatro casos.

Ibirá foi o primeiro município da nossa região a confirmar caso de contaminação por coronavírus no dia 1º de abril. A vítima foi um idoso de 69 anos que felizmente já está curado.

No dia 18 de abril a Coordenadoria de Saúde do município confirmou a segunda vítima pela COVID-19. O homem de 40 anos que está internado no Hospital de Base de São José do Rio Preto (SP), teria sido infectado através de transmissão comunitária.

Bady Bassitt teve seu primeiro caso confirmado no dia 3 de abril, em um idoso de 62 anos que não tinha histórico de viagem fora do país. Ele segue também internado no HB, entubado na UTI e seu estado de saúde é considerado grave.

No dia 13/04, dez dias depois, a segunda vítima no município foi confirmada com COVID-19. O paciente é um homem de 40 anos, sem comorbidades e também sem histórico de viagem. Ele ficou internado na enfermaria do Hospital de Base e já teve alta médica no último fim de semana.

São José do Rio Preto que registra o maior número de casos da doença desacelerou o índice de infecção de COVID-19. Em uma semana, o número de casos confirmados subiu apenas 26%, enquanto na primeira semana de abril aumentou 65%.

No dia 13/04 a cidade tinha 54 pessoas infectadas e nesta segunda-feira (22/04), este número subiu para 68. Número considerado baixo se compararmos com os seis primeiros dias de abril.

No dia 1° de abril Rio Preto tinha 20 casos confirmados e no dia 6/4 este número subiu para 33 casos, um aumento de 65%. Se compararmos com os 26% destas últimas dias semanas, comprova que a curva de contágio está desacelerando.

Na cidade o que preocupa é o número de mortes por COVID-19, onde, até agora, oito pessoas morreram vítimas da doença. Na semana passada tinham três óbitos no município e nesta semana este número subiu 167%.

Mesmo com números considerados positivos, as autoridades de saúde alertam que não pode haver o descuido por parte da população, pois o contágio pode aumentar rapidamente. É preciso manter todos os cuidados de higienização das mãos, manter o distanciamento social de 1,5 metros e, quem puder, principalmente idoso, fique em casa.

(Foto: Luiz Aranha/Gazeta do Interior)

Cidades Covid-19 Destaques Últimas Notícias ,

Related Posts