Nova Aliança (SP) confirma 11 novos casos de COVID-19 e começa a ter falta de leitos de UTI

Posted by at 9:54 Comments Print

Terça-feira, 23 de fevereiro de 2021

A Coordenadoria de Saúde de Nova Aliança (SP) confirmou nesta última segunda-feira (22/02/2021), 11 novos casos de COVID-19 e mais uma morte provocada pela doença. O município já começa a ter falta de leitos para pacientes em Unidades de Terapia Intensiva (UTIs) .

Segundo a coordenadora de saúde da cidade, Silvia Patini Alves, a cidade possui quatro pessoas internadas no Hospital de Base de São José do Rio Preto, e, devido ao aumento no número de internações, a instituição já não está mais recebendo pacientes de Nova Aliança.

“Nós dependemos de um sistema de regulação em que o paciente é encaminhado para onde tiver vaga e o HB não está tendo mais. Agora o município ainda estuda a contratação de uma empresa especializada para transporte desses pacientes com suporte adequado até o hospital que surgir a vaga”, explica.

Segundo boletim divulgado pelo próprio Hospital de Base nesta última segunda (22), a instituição possui 118 pacientes internados em leitos de UTI e 87 em enfermaria. O HB é hospital de regulação para 101 municípios do estado, sendo que aqui na área de circulação da Gazeta, as cidades de Bady Bassitt, Cedral, Guapiaçu, Potirendaba, Uchoa, Ibirá e Nova Aliança são atendidas por ele.

Só nesta última segunda, Nova Aliança confirmou 11 novos casos de COVID-19 e outros 14 suspeitos. No último sábado, (20/02), um idoso, de 91 anos, que estava internado no HB desde o dia 17/02, infelizmente acabou morrendo vítima da doença. Desde o começo da pandemia, até agora, já são sete mortes registradas na cidade e 452 casos positivos.

Para atender a demanda, a Coordenadoria de Saúde decidiu ampliar o horário de atendimento do Pronto Socorro da cidade até às 00h, de segunda a segunda. A estimativa é de que uma média de 10 a 15 pessoas passam todos os dias pelo local apresentando sintomas gripais.

A coordenadora explica que o principal problema para o aumento no número de casos na cidade é com relação à falta do uso de máscara pelos moradores. Muitas pessoas continuam desrespeitando às determinações das autoridades de saúde.

“Tivemos dois bares autuados no fim de semana por promover aglomeração na cidade. Todas as pessoas, centenas delas, estavam sem máscaras. Em muitos comércios, os próprios atendentes não estão fazendo o uso do item de proteção e isso faz com que o vírus se espalhe ainda mais”, explica.

(Foto: Luiz Aranha/Gazeta do Interior)

Cidades Covid-19 Destaques Últimas Notícias , , ,

Related Posts