Na fase amarela, Potirendaba (SP) altera decreto e comércios podem funcionar 8 horas por dia

Posted by at 15:59 Comments Print

Sexta-feira, 04 de setembro de 2020

Cumprindo o que determina o Plano São Paulo de Flexibilização, a Prefeitura de Potirendaba (SP) alterou o decreto que amplia o horário de funcionando dos comércios. Após 38 dias trabalhando apenas 4 horas por dia, os serviços não essenciais agora poderão atender 8 horas diárias.

Segundo o novo documento, o comércio da cidade agora poderá abrir suas portas das 9h às 17h. Todos deverão ter ocupação máxima limitada a 40% da capacidade do local e adotar os protocolos geral e setorial específico.

Os serviços considerados essenciais como postos de combustíveis, mercados, padarias e açougues continuam com horário de funcionamento inalterado. Na fase amarela, restaurantes agora poderão voltar a funcionar com atendimento ao público.

Estes estabelecimentos poderão receber seus clientes em áreas arejadas ou ao ar livre, com ocupação máxima de 40% da capacidade do local. Eles também poderão funcionar 8 dias por dia, com consumo local até as 22h horas, com a adoção dos protocolos geral e setorial específico.

Salões de beleza e barbearias também podem retomar suas atividade, com ocupação máxima limitada a 40% da capacidade do local, 8 horas por dia e com a adoção dos protocolos geral e setorial específico.

As academias também poderão voltar a funcionar, porém seu horário de funcionamento fica determinado em oito horas diárias e com a ocupação máxima é de 30% da capacidade do local. Ela poderão funcionar somente com agendamento prévio com hora marcada e permissão apenas de aulas e práticas individuais, mantendo-se as aulas e práticas em grupos suspensas.

Igrejas e templos religiosos poderão voltar a realizar cultos e celebrações também com a capacidade máxima limitada a 40% da capacidade do local. Estes locais s serão obrigados a ter controle de acesso, hora marcada e assentos marcados.

Sempre vale reforçar que continua sendo obrigatório o uso de máscaras e álcool em gel em todos os estabelecimentos. Desrespeitar o que estabelecem os decretos estuais ou municipais implica em multa.

Desde o dia 27/07, serviços não essenciais estavam trabalhando com horário reduzido de apenas quatro horas por dia, quando a cidade alterou o decreto. O novo decreto assinado hoje pelo prefeito, Flávio Alves, (PSD), entra em vigor já a partir deste sábado (05/09/2020).

(Foto: Agência Gazeta do Interior)

Cidades Covid-19 Destaques Últimas Notícias ,

Related Posts