Mutirão de exames em Potirendaba ‘entope’ rua e deixa mais de 300 pessoas esperando horas na fila

Posted by at 10:43 Comments Print

Pelo menos 300 pessoas tiveram que acordar cedo neste sábado (22) para fazer exames em Potirendaba. O problema é que um mutirão foi marcado para que todas essas pessoas fizessem de uma só vez, deixando na fila por horas gestantes, mães com crianças de colo e idosos, fato que causou revolta e indignação na população.

Uma fila gigantesca se formou na rua Carmo Turano, na frente do Posto Central de Saúde. Por ser exames de sangue e urina, por exemplo, as pessoas tiveram que ir em jejum e sem urinar para coletar as amostras sem alteração.

Era por volta das 5h30 quando a fila começou a se formar no local, segundo os pacientes. Várias mães com crianças de colo, outras gestantes e idosos tiveram que esperar por horas para serem atendidas. Nossa equipe recebeu diversas reclamações das pessoas e foi ao local às 8h30.

A dona de casa, Mariane dos Santos Fernandes, chegou na fila era por volta das 6h20. Ela é uma das pacientes que estava sem urinar para realizar o exame. “Eu não aguentei e tive que ir ao banheiro, se não minha bexiga ia estourar de tanto eu ficar aqui na fila. Já faz quase um mês que estou esperando para fazer esse exame, agora se o exame der errado por que eu urinei, não sei o que vou fazer”, diz.

A dona de casa Jussiara Antônia de Oliveira Satel também reclama da fila. Ela conta que o motivo do mutirão seria porque a Secretaria de Saúde perdeu os pedidos de exame dos pacientes e todos tiveram que ser remarcados. “Aqui tem pessoas de idade, crianças de colo. Não somos palhaços de ninguém não. Na hora de pedir voto todos são bons, mas vê se aparece um político aqui agora para resolver nosso problema”, fala.

Ariane Silvia de Souza está na fila aguardando para fazer exame de gravidez. Ela conta que um termo de compromisso teve que ser assinado por todos os pacientes para que se faltassem ao exame sem justificativa prévia de três dias de antecedência, o paciente perderia o direito de realizar o exame e seria colocado automaticamente no fim da fila de espera podendo ter que esperar vários meses. “Acho isso um absurdo e falta de respeito. E se eu não pudesse estar aqui hoje porque passei mal ou tive que ir para o hospital de última hora, por exemplo, eu perderia meu direito de fazer o exame”, questiona.

Por telefone, a prefeita de Potirendaba, Gislaine Franzotti, disse que o mutirão é uma alternativa de acelerar a realização de exames no município e não prejudicar a população. “O mutirão é uma alternativa para adiantar o exame do paciente. Se ele não quiser fazer o exame, ele pode esperar na fila do SUS normalmente que também será atendido. Culturalmente o povo brasileiro acostumou em enfrentar fila. Não é necessário ficar horas na fila esperando, nossos funcionários ficarão o dia todo atendendo lá”, disse.

Quanto a informação de descumprimento de preferências nas filas como idosos, gestantes, deficientes físicos e pessoas com crianças de colo, a prefeita disse ainda que desconhece tal ato e que todos os funcionários tem ordem para dar preferência à essas pessoas. Já sobre o termo de compromisso assinado pelos pacientes, Gislaine falou que implantou o termo para que os pacientes tenham realmente compromisso com a data. “Quem assinou para o mutirão já estava com a finalidade de fazer o mutirão. Se aquele paciente que marcou desiste de última hora e não avisa, além de gerar gastos, tira a vaga de outro paciente que talvez também é urgente e deixa de realizar a consulta ou exame. Vamos implantar isso em todo o sistema de saúde da cidade”.

Já sobre os pedidos de exame que foram perdidos, a prefeita disse ainda que uma sindicância interna foi aberta para apurar o suposto envolvimento de uma funcionária pública que estava desviando pedidos e guias por conotação política. “Peço que a população ligue e reclame mesmo, pois só assim vamos ficar sabendo do que está acontecendo na nossa cidade e vamos poder ajudar nossos moradores”, finalizou.

(Foto: Luiz Aranha/Gazeta do Interior)

Cidades Destaques Últimas Notícias , , ,

Related Posts