Mortes por acidente de trânsito apresentam alta de 19% na região de S. J. do Rio Preto (SP)

Posted by at 9:57 Comments Print

Segunda-feira, 21 de setembro de 2020

Dados divulgados por um programa da Secretaria de Governo coordenado pelo Detran, revelam que o índice de mortes por acidentes de trânsito aqui na região de São José do Rio Preto (SP) aumentou 19% em agosto deste ano. Os números foram divulgados na Semana Nacional de Trânsito, que acontece entre os dias 18 e 25 de setembro.

No mês de agosto, jovens com idade entre 18 e 29 anos representaram 25,3% das vítimas. Entre os motociclistas, essa proporção sobe para 40,2%. Em 62,6% dos casos, as vítimas fatais são os próprios condutores dos veículos. Homens seguem como as principais vítimas dos acidentes (86% do total), e as ocorrências estão concentradas no período noturno (54,8%) e no fim de semana (51%). Cerca de 48,5% das vítimas faleceram no local do acidente.

A nossa região que é composta por mais de 100 municípios teve um aumento no número de mortes em 19%. A região de Marília (SP), foi a que teve o maior aumento em todo o estado, chegando a 100%.

Região%Região%
Araçatuba-25Marília100
Baixada Santista77Metropolitana de SP-19
Barretos-14Presidente Prudente-17
Bauru5Ribeirão Preto17
Campinas-21S.J. do Rio Preto19
Central-10S.J. dos Campos17
Franca-33Sorocaba-12
Itapeva67Registro-13

Em todo o estado, os números do Infosiga SP, gerenciado pelo Respeito à Vida, apontam que chegou ao patamar mais baixo da série histórica. Entre janeiro e agosto de 2020, São Paulo registrou 3.183 vítimas fatais, 26% a menos do que no mesmo período de 2015, quando a medição teve início, com 4.327 óbitos.

A queda inédita também se reflete no número de atropelamentos, que chegou a 758 vítimas fatais neste ano, contra 1.196 em 2015, ou seja 37% a menos de óbitos. O mesmo ocorre nos acidentes com vítimas fatais envolvendo automóveis, que chegou a 755, queda de 30%. Dessa forma, apresentando novamente o menor índice da série histórica.

“Esse acompanhamento nos permite tomar decisões mais assertivas, desenvolvendo políticas públicas mais consistentes para a diminuição de mortes no trânsito paulista. E agora, o sistema assumirá uma importância ainda maior, na medida em que estará diretamente vinculado a nossas campanhas e ações para tornar o trânsito menos violento”, afirma o diretor-presidente do Detran.SP, Ernesto Mascellani Neto.

Em todo o Estado, no mês de agosto deste ano, foram registrados 447 óbitos contra 480 no ano passado, queda de 7%. Acidentes de trânsito, que incluem ocorrências sem vítimas fatais, registraram redução de 7,1% em vias urbanas e rodovias do Estado (14,7 mil acidentes em maio deste ano contra 15,8 mil em 2019).

(Foto: Luiz Aranha/Gazeta do Interior-arquivo)

Cidades Destaques Últimas Notícias ,

Related Posts