Mais um bandido é morto e outro é preso pelo roubo a carro forte de hipermercado

Posted by at 11:17 Comments Print

Mais um bandido foi morto pela polícia e outro preso na madrugada desta sexta-feira (23/12), em São José do Rio Preto. Uma ação conjunta de inteligência das polícias civil e militar tenta identificar mais pessoas envolvidas no roubo ao carro forte de um hipermercado.

Por volta das 23h00 desta última quinta-feira dia 22, policiais civis e militares foram até uma casa do Residencial Palestra onde outro bandido estava escondido. Egberto Cardoso dos Santos que era procurado pela justiça por roubo foi preso por participação no assalto.

Egberto que era procurado pela justiça informou que iria receber R$5 mil para ficar de “olheiro” e avisar quando o policiamento chegasse ao mercado. Em depoimento ele disse ainda que foi contratado por um outro homem e indicou o local onde ele e o resto da quadrilha estariam escondidos.

Equipes da PM foram até a chácara do bairro Set Sul, onde Emerson Santana da Costa que tem passagem por roubo e porte ilegal arma trocou tiros com os policiais e acabou sendo morto.

No local a polícia apreendeu um revólver de calibre 32, um fuzil calibre 556, 46 cartuchos do mesmo calibre, 12 cartuchos de calibre 12, um colete à prova de balas, além de documentos dos envolvidos no roubo e celulares.

Além do carro que já tinha sido apreendido ontem, policiais encontraram outro veículo com placas Guarulhos (SP).

Durante o confronto no estacionamento foram mortos Pedro Santos Rocha e Luiz Thiago Eloy. Robson Godoy da Silva foi preso ainda no local se passando por vítima. A quadrilha fortemente armada chegou ao hipermercado por volta das 12h30 e rendeu funcionários do carro de transporte de valores que abastecia os caixas eletrônicos.

A Gazeta do Interior acompanhou todo o trabalho da polícia. Tiros de fuzil eram disparados contra os policiais que tentavam entrar na loja e libertar os mais de 200 reféns entre funcionários e clientes. A ação envolveu Polícia Militar, Polícia Civil, Polícia Federal, Polícia Rodoviária Estadual, Guardas Municipais e Corpo de Bombeiros.

Malotes chegaram a ser pego de dentro do carro pelos bandidos e um deles foi encontrado jogado no estacionamento do hipermercado. Até agora a polícia ainda não sabe quantos criminosos fugiram e nem se conseguiram levar algum valor.

INVESTIGAÇÃO

As polícias civil e militar agora tentam identificar e prender os demais envolvidos no roubo. Durante o assalto, o Centro de Operações da Polícia Militar (COPOM), recebeu cerca de 4 mil ligações de pessoas informando que outros roubos estariam acontecendo na cidade.

Um caos foi instalado e comerciantes chegaram a fechar as portas com medo. Segundo a Polícia Civil, suspeitos passaram no Calçadão gritando e informando que comércios estavam sendo invadidos.

Tudo não passou de trote de outros criminosos da quadrilha para despistar a ação dos mais de 250 policiais que estavam concentrados em prender o bando no hipermercado.

Os dois presos estão na Delegacia de Investigações Gerais (DIG) de Rio Preto e agora serão levados para o Centro de Detenção Provisória (CDP), da cidade.

(Fotos: Colaboração Polícia Militar)

Cidades Destaques Últimas Notícias , , , ,

Related Posts