Maior desastre ambiental da história em Santa Adélia já mata mais de duas toneladas de peixes

Posted by at 13:57 Comments Print

O que poderá ser um dos maiores desastres ambientais da história da região está longe de ter uma solução. As 28 mil toneladas de açúcar derretidas no incêndio em Santa Adélia, já provocaram a morte de mais de duas toneladas de peixes do Rio São Domingos.

O incêndio ainda não foi totalmente controlado e a preocupação agora é com um armazém que tem ao lado onde estão estocadas cerca de 50 mil toneladas de açúcar.

Segundo o gerente da Cetesb, Antônio Falco Junior, a equipe da Cetesb de Emergências Químicas veio à Santa Adélia apoiar a operação. O grupo de três técnicos veio de São Paulo para trabalhar no desastre na cidade que dura há seis dias.

O capitão da Polícia Ambiental de São José do Rio Preto, Olivaldi Azevedo, afirma que já se trata de um dos maiores impactos ambientais da história e que ainda não é impossível calcular as proporções do desastre. “Estamos trabalhando para evitar que os danos sejam ainda maiores. É inevitável que o Rio Turvo seja atingido. Esperamos que com o trabalho de contenção feito, agora seja possível diminuir o impacto”, afirma.

O rio São Domingos passa por Catiguá, Tabapuã, Uchôa e deságua no Rio Turvo, em Guapiaçu. A polícia afirma que entre hoje e amanhã a contaminação passe por essas cidades.

Leia a matéria completa sobre o incêndio.

(Foto: Colaboração Polícia Ambiental)

Cidades Destaques Últimas Notícias , , , ,

Related Posts