Mães e alunos se preparam para a volta às aulas

Posted by at 11:57 Comments Print

Jonas Garcia

jonas@gazetainterior.com.br

 

Início do ano letivo quer dizer volta às aulas e papelarias lotadas. A partir de segunda-feira muitas escolas retornam às suas atividades, mas ano escolar novo é sinal de material novo. Não importa a idade do aluno, todos querem o material didático novinho e seguindo a moda.

Cadernos, lápis, borracha, caneta, cola, bolsa, lancheira, estojo são apenas alguns dos acessórios que estão nas extensas listas de compras para o início das aulas que este ano aqueceram o comércio com as novidades.

“Existe o material clássico, aquele que fica mais em conta que é o caderno, o lápis e a borracha, mas hoje em dia quase ninguém quer mais esse tipo. Muitos alunos preferem fichários, cadernos com fotos dos artistas preferidos e as crianças são mais insistentes em pedir a lista completa de um só personagem”, conta a vendedora de uma loja de Tabapuã, Elaine Cristina da Silva, 21.

Para Elaine, as meninas são mais entusiasmadas com a volta às aulas, por isso, a maior parte das novidades deste ano fica pra elas. “As meninas sempre gostaram mais de estudar, acho que por isso tem mais objetos pra elas do que para os meninos, como bolsa, lancheira, estojo, cola personalizada e etc. Os meninos preferem o básico”, diz a vendedora.

O grande trunfo para alguns comerciantes este ano são as mochilas com alça lateral, que lembram bolsas femininas e os estojos que simulam serem carteiras de grandes marcas. Para as crianças, surgiram as mochilas em formatos de carros, e a estampa dos mais variados personagens que fazem a cabeça dos baixinhos como Ben 10, Hot Wheels, Barbie, Moranguinho e os palhaços Patati Patatá.

Este ano, segundo Elaine, as vendas desse tipo de produto fugiram do habitual por terem acontecido com boa antecedência ao início das aulas. “É comum de o brasileiro deixar tudo para última hora, mas dessa vez me impressionei, muita gente já veio comprar e se antecipar”, afirma. Ela ainda deixa a dica pra quem quer economizar: “Mães, se querem gastar um pouco menos, não levem seus filhos às lojas. Eles pedem tudo e mais um pouco”, diz rindo.

Cidades , , , , , , , , ,

Related Posts