Homem morre em Bady Bassitt com suspeita de febre amarela

Posted by at 17:12 Comments Print

Atualizado às 18h48

Um operário de 38 anos morreu em Bady Bassitt com suspeita de febre amarela. A morte foi no dia 8 de abril, mas só nesta terça-feira (3) que suspeitaram da morte pela doença.

A suspeita é de que o homem teria ido, dias antes, na conhecida mata dos macacos, uma área bastante frequentada por moradores de cidades da região. O local possuiu centenas de animais de várias espécies.

Ainda não há informações sobre o nome da vítima, apenas que ele era morador de Indiaporã. Nossa reportagem procurou o departamento de Vigilância Epidemiológica (CVE) da cidade, mas foi informada de que deveria procurar o estado.

A assessoria de imprensa do CVE do estado informou em nota que quando há confirmação de qualquer tipo de doença infectocontagiosa é o município quem primeiramente notifica o estado. Disse ainda que quem realiza combate e vacinação também é a própria coordenadoria de cada cidade.

O mosquito Aedes aegypti que transmite a dengue, também transmite a  febre amarela. No Brasil, não ocorre transmissão da  febre amarela  em cidades desde 1942, mas a possibilidade da transmissão em áreas urbanas existe desde da reintrodução do Aedes aegypti no país.

Todas as regiões do país possuem áreas (zonas rurais, regiões de cerrado, florestas) onde há risco de transmissão da febre amarela. O vírus é mantido através da infecção de macacos e a transmissão é da picada do próprio mosquito.

(Foto: Gazeta do Interior-arquivo)

Cidades Destaques Últimas Notícias , ,

Related Posts