Festas ‘julinas’ movimentam região e mantem viva a tradição em comunidades

Posted by at 22:15 Comments Print

Tradicionalmente realizadas no mês de junho, as festas juninas acontecem devido a comemoração aos santos do mês, Santo Antônio, São João e São Pedro. Aqui na região da Gazeta, comunidades dos bairros e até prefeituras organizam festas durante o mês de julho, as festas ‘julinas’ e mantem viva a tradição das festanças no interior do Brasil.

O que mais chama a atenção é que tudo é organizado por vizinhos, pessoas das comunidades com objetivo único que é manter vivo o espírito de união e confraternização.

Durante semanas esses organizadores passam de casa em casa arrecadando alimentos para a festa. Na casa de um desses voluntários, comidas típicas como bolo, o tradicional leite com chocolate e o quentão são preparadas e servidas gratuitamente à população que vem prestigiar e confraternizar.

Em Potirendaba, no bairro Jardim dos Eucaliptos, um grupo vem organizando tudo há pelo menos 30 dias. A festa vai ser realizada no domingo dia 20, às 20h. No local são esperadas centenas de pessoas de toda a cidade.

No bairro São Francisco quem organizou a festa foi a prefeitura da cidade. O evento realizado nesta quinta-feira (17), teve comidas típicas, brinquedos, algodão doce, pipoca e até sorteio de brindes.

A tradicional quadrilha também não faltou. Um grupo de 18 casais da terceira idade do município abrilhantou a noite. Dona Maria Gioconda Bertassi Rissato participa do grupo há dois anos e diz que é um prazer participar e ajudar manter viva a tradição dessas festas.

“É uma alegria inexplicável poder viver isso. A gente se renova, se sente com mais vitalidade, além de poder contribuir para manter essas festas aqui no interior”, diz.

Quem não ficou de fora da dança foi a prefeita da cidade, Gislaine Franzotti, que fez questão de vir à caráter. “Eu sou festeira. Eu gosto da festa e poder valorizar a comunidade é muito importante, pois isso faz com que se mantem a tradição das festas juninas. Só fiquei com medo de não dar conta de acompanhar a terceira idade, mas deu tudo certo”, brinca.

Segundo a assessoria do município, cinco festas como a do bairro são feitas em bairros estratégicos para atender toda a população da cidade.

Em Tabapuã no próximo sábado (19), a prefeitura também organiza a festa julina para a terceira idade e pessoas cadastradas em programas assistenciais de Tabapuã.

A festa que acontecerá na praça de eventos a partir das 20h, também é gratuita e terá ainda dança e comidas típicas.

Com espírito de união e solidariedade, a tradição das festas juninas e julinas felizmente ainda podem ser vividas por nós do interior do Brasil.

(Foto: Luiz Aranha/Gazeta do Interior)

Cultura Destaques Últimas Notícias , ,

Related Posts