Família cobra justiça após filho ser assassinado por dono de bar em Tabapuã (SP)

Posted by at 8:41 Comments Print

Um pai de Tabapuã (SP) procurou a Gazeta para pedir justiça após o filho Paulo Henrique dos Santos, de 23 anos, ser brutalmente assassinado em um bar da cidade no último dia 30 de janeiro de 2020. O motivo do crime seria por causa de um copo.

Segundo o pai, João Batista dos Santos, o autor do crime está foragido e até agora ainda não foi preso. O assassinato revoltou os moradores da cidade que clamam por justiça.

“Faz mais de 40 dias que meu filho foi morto e esse assassino continua solto. A polícia já ouviu nós diversas vezes, mas nada acontece e não prende o criminoso”, diz João.

De acordo com o pai, um copo teria sido o motivo do crime. Os dois teriam discutido no local e em seguida a vítima teria deixado o bar caminhando.

O dono do comércio, Valdecir Bozi, de 58 anos, conhecido como Meleca, teria ido atrás de Paulo e desferido um golpe de faca em seu abdômen. Ele chegou a ser socorrido até o hospital, mas infelizmente não resistiu.

Autor não foi preso até o momento

Segundo a Polícia Civil de Tabapuã, o criminoso está foragido e certamente morando em outro estado. O delegado que acompanha o caso, Gustavo Sato, não quis falar sobre o andamento do inquérito e nem se decretou a prisão do suspeito.

Nossa reportagem entrou em contato com a Secretaria de Segurança Pública de São Paulo que disse em nota que a delegacia de Tabapuã solicitou à Justiça dilação de prazo a para continuidade das investigações. Trecho do documento diz que o delegado ouviu diversas testemunhas e pediu prisão temporária do autor, que foi decretada pelo judiciário. Por fim a nota afirma que a autoridade policial aguarda o retorno do inquérito para prosseguir as diligências.

Quem tiver qualquer informação sobre o paradeiro do autor deve ligar para a Polícia Militar através do 190.

(Foto: Arquivo pessoal)

Cidades Destaques Últimas Notícias

Related Posts