Falsa médica é presa exercendo profissão com CRM falso na Santa Casa de Ibirá

Posted by at 10:44 Comments Print

Uma mulher se passando por uma médica foi presa no final da tarde desta última segunda-feira (23/10/2017), exercendo a profissão com CRM falso em Ibirá. Kelly Regiane Queiroz, de 41 anos, foi presa em flagrante em seu consultório na Santa Casa da cidade.

De acordo com o Boletim de Ocorrência, a mulher se passava por clínica geral na entidade há três meses. Ao ser presa, ela disse que era formada na Bolívia e que não conseguia passar na prova de revalidação para exercer a medicina no Brasil.

Kelly usava o CRM da dermatologista de São Paulo, Kelly Queiroz Cardoso, que teve sua bolsa furtada em fevereiro do ano passado. Dentro da bolsa tinha o carimbo com o CRM de Kelly e documentos pessoais.

A suspeita contou ainda que comprou os objetos de uma pessoa para atuar como médica em Ibirá. Além do carimbo, a polícia apreendeu também o jaleco bordado o nome da médica.

Kelly Regiane que já tem passagem por estelionato no 1°DP de São José do Rio Preto, foi presa em flagrante e vai responder por exercício ilegal da medicina e falsa identidade.

O delegado estipulou fiança de R$ 5 mil que não foi paga e ela então foi levada para a cadeia de Santa Adélia. Nossa reportagem entrou em contato com a diretoria da Santa Casa, mas foi informada que estava em reunião e que não poderia atender a Gazeta.

(Foto: Luiz Aranha/Gazeta do Interior)

Cidades Destaques Últimas Notícias , , , ,

Related Posts