Escola de cursos usa nome de vice-diretora de Bady Bassitt para vender bolsas

Posted by at 8:56 Comments Print

Sábado, 07 de março de 2020

Uma escola de cursos de São José do Rio Preto (SP) está utilizando o nome da vice-diretora de uma escola estadual de Bady Bassitt (SP) para vender bolsas de estudo com falsas promessas. Um comunicado precisou ser feito pela direção da instituição alertando os pais.

Segundo a Escola Estadual Professora  Aurea de Oliveira, há anos que isso ocorre e agora até o nome da vice-diretora foi utilizado. De forma ilegal, os vendedores tem acesso às listas de alunos e ligam para os pais tentando vender cursos com valores altíssimos e até promessas de emprego.

“Existe uma empresa telefonando para vários dos senhores, afirmando que a vice-diretora está oferecendo bolsas de estudos para crianças. Atenção, isto é um golpe! Compram as listas com os dados dos alunos e usam de má fé, para que os senhores assinem contratos de cursos caríssimos”, diz trecho do bilhete encaminhado aos pais e publicado em redes sociais.

A mãe de um aluno que concluiu o ensino médio ano passado e prefere não ser identificada, fala que foi chantageada durante uma conversa de WhatsApp com o vendedor.

“Aconteceu com meu filho ano passado. Ligaram falando que meu filho ganhou um curso ‘gratuito’ e quando recusamos fizeram chantagem dizendo que meu filho não ia conseguir estágio em lugar nenhum, que perderia o benéfico”, diz a mãe.

Conversa entre escola e mãe do aluno que foi chantageada

“Esse golpe é velho, ligam dizendo que a criança ganhou a bolsa e aí você vai lá e é curso caro com a garantia de que vai arrumar emprego no final do curso”, diz outra mãe em uma rede social.

Comunicado de alerta da direção da instituição enviado aos pais

A assessoria de imprensa da escola até o momento não se manifestou sobre o fato.

(Foto: Luiz Aranha/Gazeta do Interior-arquivo)

Cidades Destaques Últimas Notícias , , , ,

Related Posts