Doria prorroga quarentena por mais 20 dias em todo o Estado de São Paulo

Posted by at 15:05 Comments Print

O governador de São Paulo, João Doria (PSDB) anunciou na tarde desta sexta-feira (17/04/2020), a prorrogação de mais 20 dias da quarentena em todo o Estado por causa da pandemia de coronavírus. Número crescente de casos e de mortes registradas, além do baixo índice do isolamento social da população foram fatores que fizeram prorrogar o isolamento.

Esta já é a segunda prorrogação da quarentena que teve início no dia 24 de março nos 645 municípios de São Paulo. Em seu discurso, Doria disse que para reabrir o comércio e os serviços é preciso controlar melhor a contaminação e ter o sistema público de saúde em condições de atendimento para salvar vidas.

“Até o dia 10 de maio, domingo, está prorrogada a decisão no estado de São Paulo, valendo a prorrogação para os 645 municípios do estado de São Paulo. A prorrogação foi amparada pelo Grupo de Contingência da Covid-19, um comitê médico composto por 15 membros, são especialistas, eles que orientam todas as decisões tomadas pelo governo do estado de São Paulo e também da Prefeitura de São Paulo”, afirmou Doria.

Doria afirmou que alguns hospitais públicos já estão perto do limite. “Há um mês, aqui em São Paulo, tínhamos a primeira morte. Hoje já são 853 mortes. Infelizmente, os casos estão em expansão”, disse.

O estado de São Paulo registra 853 mortes provocadas pela Covid-19 e 11.568 casos confirmados de contaminação. Em todo o Brasil são 33.682 casos e 2.141 mortes. A taxa de letalidade do vírus é de 6,4%.

O fim da quarentena estava previsto para o dia 22 de abril. Apesar da taxa de isolamento estar abaixo do índice desejado, Doria disse que vai confiar na população e não anunciou nenhuma medida de endurecimento das regras da quarentena.

“Fechar estradas e rodovias não há nenhuma decisão nesse sentido. Nós respeitamos apenas as decisões locais de prefeituras de cidades turísticas em relação de limitar acesso durante os feriados prolongados e finais de semana apenas aos residentes e proprietários de casas.”

A prorrogação da quarentena ocorreu devido ao número crescente de casos de contaminação e de mortes registradas, além do baixo índice do isolamento social da população. Nesta última quinta (16/04), o índice de isolamento foi de 49%, de acordo com o sistema de monitoramento que utiliza sinais de celulares para saber se as pessoas estão em casa e localizar aglomerações. O governo diz que a taxa ideal para tentar impedir o avanço da doença é de 70%.

(Foto: Charles Sholl/Brazil Photo Press/Carta Capital)

Cidades Covid-19 Destaques Últimas Notícias , , ,

Related Posts