Comerciantes de Potirendaba estimam crescimento de mais 10% nas vendas de fim ano

Posted by at 14:22 Comments Print

Comerciantes de Potirendaba estão otimistas com as vendas deste mês de dezembro e preveem um crescimento de cerca de 10%. Novos comércios fizeram a roda da economia girar, como novos empregos e mais renda para os consumidores.

A presidente da Associação Comercial e Industrial de Potirendaba (ACIP), Giovana Favaron, que também é comerciante, fala que já sentiu a diferença nestas últimas semanas. “A gente acredita um mínimo de 10% de aumento. Muitos representantes que a gente atende fala que as vendas deles também tem aumentado, então isso é um sinal da recuperação da economia”, fala.

Um levantamento de expectativa de vendas para o Natal, feito pela FCDLESP (Federação das Câmaras de Dirigentes Lojistas do Estado de São Paulo) e divulgado esta semana, prova esta confiança dos lojistas. A pesquisa realizada com a participação das principais CDLs (Câmara de Dirigentes Lojistas) do estado confirma um Natal mais otimista para 2017, mesmo considerando o cenário econômico de insegurança que ainda aflige os principais empresários do varejo – principalmente o pequeno comerciante.

O dono de uma rede de supermercados na cidade, Renato Maluf, também está otimista e aproveitou o período para a inauguração de outra unidade em Nova Aliança. “Sentimentos uma melhora muito boa em 2017 e a nossa expectativa é de que melhore ainda mais no ano que vem. Agora com a loja de Nova Aliança pretendemos contratar mais funcionários e com isso a roda da economia ganha ainda mais força”, destaca.

Renato tem razão, segundo o economista, Francisco de Oliveira, que com as 20 contratações que serão feitas, em média, na cidade vizinha, a economia local continua em movimento e novas famílias com poder de compra. “Este é o ciclo que precisa ser mantido. “Mais pessoas empregadas, significa mais dinheiro no bolso do consumidor e consequentemente mais dinheiro no mercado”, explica.

“Tivemos em 2017 a inauguração de diversos comércios em Potirendaba, como supermercados, lojas de roupas e com isso gerou novas contratações. Felizmente teremos um Natal bem melhor do que com relação a 2016”, finaliza a presidente da Acip, Giovana.

(Foto: Luiz Aranha/Gazeta do Interior)

Destaques Economia Últimas Notícias , , , ,

Related Posts