Com explosão de casos, prefeitura de Tabapuã (SP) volta a fechar comércios para conter COVID-19

Posted by at 12:06 Comments Print

Com a explosão no número de casos de COVID-19, a prefeitura de Tabapuã (SP), decretou novamente o fechamento total do comércio à partir desta sexta-feira (29/05/2020). Uma praça também foi interditada e novas medidas foram adotadas.

A decisão da prefeita, Maria Felicidade Campos Arroyo, partiu depois que a cidade atingiu 8 casos positivos da doença. O novo coronavírus chegou em Tabapuã no dia 05/05 e, em 24 dias, estes números não pararam de crescer.

Dos oito casos confirmados, um paciente já está curado da doença. Três estão em isolamento domiciliar e os outros quatro ainda estão internados em UTIs e enfermarias de hospitais de Catanduva. O município possui também outros cinco casos suspeitos e 94 paciente que estão em quarentena com algum sintoma da doença.

Para assinatura do decreto, Felicidade levou em consideração que as condições atuais do município não se compatibilizam com as medidas de flexibilização anunciadas pelo Governo Estadual.

O decreto nº 064/2020, de 28 de maio de 2020, prevê o fechamento de todos os estabelecimentos comerciais, exceto: farmácias, distribuidoras de água e gás, postos de combustíveis, mercados e padarias, porém com a proibição de consumo de produtos no seu interior. Restaurantes e lanchonetes somente poderão atender no sistema delivery. Casas de carnes, lojas de materiais para construção e lojas de vendas de produtos agropecuários também poderão funcionar, porém deverão controlar o fluxo de clientes, evitando a aglomeração de pessoas.

Além dos comércios, a prefeitura interditou nesta última quinta (28), a praça César Carvalho, uma das principais praças da cidade. Com o objetivo de evitar a aglomeração de pessoas e conter o avanço do coronavírus, a medida foi cercar com fitas todo o quarteirão.

O Paço Municipal também foi fechado nesta sexta. O efetivo da Guarda Civil Municipal foi reforçado e a fiscalização do cumprimento do decreto será mais rígida, de acordo com a prefeitura.

Na próxima segunda (1/6), gentes de saúde estarão na frente de bancos e casas lotéricas auxiliando na formação de filas para também evitar aglomerações. A medida vale por 14 dias, segundo o município, porém que será estudada toda semana para avaliar o avanço da doença.

Na cidade continua valendo o decreto estadual do uso obrigatório de máscaras, disponibilização de álcool em gel e outras medidas de segurança já vigentes. Em supermercados, crianças menores de 12 anos estão proibidas de entrar e apenas um membro da família que é autorizado para entrar e fazer as compras.

(Foto: Divulgação Prefeitura de Tabapuã)

Cidades Covid-19 Destaques Últimas Notícias , , , ,

Related Posts