Com casos em investigação, Potirendaba, Tabapuã e Uchoa intensificam o combate à dengue

Posted by at 12:26 Comments Print

Reportagem de 15/01/2020

Os três principais municípios de circulação do jornal não tem medido esforços para combater o mosquito Aedes aegypti. Mesmo sem nenhum caso positivo de dengue, Potirendaba, Tabapuã e Uchoa tem intensificado o controle da doença.

Estamos apenas nos primeiros 15 dias de 2020 e um verdadeiro exército de agentes está nas ruas para fiscalizar os imóveis, conscientizar os moradores e eliminar o maior número possível de criadouros do mosquito.

Diversas ações de combate já foram e estão sendo desenvolvidas nestes municípios. Arrastões já foram programados e realizados; todas as casas já foram e continuam sendo visitadas; e, campanhas de conscientizações estão sendo colocadas em prática.

Estas cidades fecharam 2019, segundo o Ministério da Saúde, com 1.616 casos positivos da doença. A cidade campeã entre as três foi Tabapuã com 624 pessoas infectadas.

Segundo as Coordenadorias Municipais de Saúde destes municípios, felizmente nenhum caso de dengue foi confirmado do dia 1º até agora, mas os números suspeitos já começaram a surgir e isto já causa preocupação.

Em Tabapuã já são seis casos notificados, Potirendaba dois e Uchoa não informou. “Estamos aguardando resultados destes casos, mas a guerra não termina nunca. Pedimos mais uma vez a colaboração da população para que cuide de seus quintais e colabore com o trabalho dos agentes”, fala a Secretária de Saúde de Tabapuã, Karyna Camilo.

(Foto: Luiz Aranha/Gazeta do Interior-arquivo)

Cidades Destaques Últimas Notícias ,

Related Posts