Casa abrigo de Tabapuã é interditada pela justiça após encontrar crianças com sarna no local

Posted by at 11:21 Comments Print

Uma casa abrigo de Tabapuã foi interditada pela justiça no final da tarde desta última quinta-feira (17/05/2018) depois de encontrar crianças com sarna no local. Uma bebê de cinco meses precisou ser medicada.

Segundo denúncia que chegou à Gazeta, no local vivia, em média, quatro adolescentes e a bebê de cinco meses de vida. Além das crianças, funcionários e familiares de funcionários também foram contagiados pela sarna.

A sarna é uma doença de pele contagiosa causada por um parasita que se aloja no hospedeiro e ali se reproduz. Eles não vivem mais de três dias longe da pele humana, isso porque se alimentam das proteínas da pele, principalmente da queratina. Desde 2010, a sarna humana vem afetando aproximadamente 100 milhões de pessoas (1,5% da população mundial).

Na tarde desta última quinta, a juíza da Vara Única de Tabapuã, Patrícia da Conceição Santos, decidiu interditar o local pela infestação da doença. A bebê e as adolescentes foram levadas para a Casa Abrigo de Novais.

“Nós recebemos a informação de que no local estas crianças estavam com sarna. Essa bebê passou pelo pediatra, o médico passou uma loção, mas houve um descaso da prefeitura que não comprou essa loção e a doença foi contagiando todo mundo. Nós denunciamos o caso e a juíza então foi até o local pessoalmente e determinou a interdição imediata da casa”, disse o denunciante que prefere não se identificar.

O Centro de Referência Especializado de Assistência Social (Creas) é quem cuida do local. Nossa reportagem tentou contato com os responsáveis pelo setor durante toda a manhã, porém ninguém foi encontrado para falar sobre o assunto.

(Foto: Agência Gazeta do Interior)

Cidades Destaques Últimas Notícias , , , ,

Related Posts